slider_nota

Nota Sinfaerj

“Tentarão gestar, em inequivoco prejuizo ao profissional farmacêutico, procedimentos que desaguarão na supressão de direitos trabalhistas. A não assinatura da CTPS, é a espoleta que deflagra toda sorte de alienação aos direitos previstos na CLT. Que o profissional farmacêutico fique ciente que as pessoas que apresentam e aprovam tal proposta, o fazem por motivos inconfessáveis. Diga não a essa violência que se avizinha contra o farmacêutico”.

Francisco Claudio
Presidente do SINFAERJ

CompartilharShare on FacebookTweet about this on Twitter